Governo do Estado de São PauloIPEM-SP

Você está em : Home Notícias de 2008 Reunião sobre cronotacógrafos no Ipem-SP

Reunião sobre cronotacógrafos no Ipem-SP

Imprimir E-mail
Qua, 23 de Julho de 2008 00:00


Representantes do Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro) e da Rede Brasileira de Metrologia Legal e Qualidade (RBMLQ-I) dos Estados de São Paulo, Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul estiveram reunidos na sede do Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo (Ipem-SP),  autarquia vinculada à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania, entre os dias 10 e 11 de julho, para discutir a implementação da verificação de cronotacógrafos.

Cronotacógrafo é um aparelho registrador de velocidade e tempo. É obrigatório em veículos para transporte escolar ou com mais de dez passageiros, caminhões e ônibus. Contém um disco diagrama de papel especial que deve ser trocado a cada 24 horas ou a cada sete dias, conforme modelo.


Esse instrumento registra dados como velocidade, distância e tempo durante o trajeto do veículo. Com esses dados, é possível confirmar horários de chegada e saída, itinerários, cumprimento de roteiros, respeito aos limites de velocidade, entre outros.


No dia 10 de julho foi feita análise da documentação que envolve a Portaria Inmetro nº 201, de 02 de dezembro de 2004. Foi apresentado pelos representantes do Ipem-SP estudo inicial do plano de selagem, considerações quanto à sua aplicabilidade e questionamentos em relação à cadeia de rastreabilidade dos selos e marcas.


Durante a reunião foi discutido um sistema utilizando um software que mostra as condições de controle dos lacres, número de série dos medidores e cronotacógrafos entre outras informações de cadastro necessárias à garantia e controle do processo.


Segundo Maurício Evangelista da Diretoria de Metrologia Legal (Dimel) do Inmetro, "a situação atual das marcas utilizadas deverão receber uma melhora na qualidade. Com isso, será possível a melhor visualização na remoção do instrumento para manutenção e ajuste".


Os fabricantes, que estiveram representados nessa reunião, terão um prazo de 20 dias para se posicionarem quanto ao início das verificações iniciais.


A manhã do dia seguinte ficou reservada para análise de documentos pelos representantes do Inmetro e Ipem-SP.


"A cada 100 acidentes, em 40 deles estão envolvidos veículos que transportam produtos perigosos. A verificação desse instrumento permitirá o respeito da velocidade e tempo de direção, trazendo mais segurança nas estradas brasileiras", informou o representante do Inmetro do Rio Grande do Sul e Coordenador do projeto de implementação da verificação de cronotacógrafos, Jorge Seewald.

 

Acompanhe o Ipem-SP nas redes sociais: Twitter, Flickr e Facebook

 

Dúvidas, sugestões ou reclamações sobre diversos assuntos do Ipem-SP podem ser feitas pelo telefone da Ouvidoria: 0800-0130522, de segunda a sexta, das 8h às 17h, ou via e-mail: ouvidoria@ipem.sp.gov.br


CORONAVÍRUS
(COVID-19)

INFORMAÇÕES AOS SERVIDORES. Acesse aqui.


 

Secretaria da Justiça e Cidadania

Site desenvolvido pela Assessoria de Comunicação e pelo Departamento de Tecnologia da Informação do Ipem-SP
© 2013 - Todos os direitos reservados..