Governo do Estado de São PauloIPEM-SP

Você está em : Home Notícias de 2014 IPEM-SP autua três postos de combustível e seis padarias em Ribeirão Preto

IPEM-SP autua três postos de combustível e seis padarias em Ribeirão Preto

Imprimir E-mail
Ter, 18 de Março de 2014 13:23

Ação especial do ‘Dia do Consumidor’ foi realizada no último sábado (15/03) em oito postos e sete padarias do município

 

Fiscais do IPEM-SP (Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo), órgão do Governo do Estado que tem como finalidade proteger o consumidor, constataram alto índice de irregularidades em padarias e postos de combustível durante operação especial realizada no último sábado, 15/03, no centro e zona sul de Ribeirão Preto.

 

Foram fiscalizados oito postos de combustível na cidade, dos quais três (38%) receberam autuação por irregularidades. Das 124 bombas inspecionadas, 10 (8%) foram consideradas reprovadas e quatro (3%) autuadas por problemas que afetam diretamente o consumidor, como falta de fornecimento correto de combustível de 180 mililitros a cada 20 litros abastecidos; vazamento de 80 mililitros do bico da bomba, vazamento interno e lacre rompido. Na operação, as equipes buscaram identificar se as bombas tinham o selo Inmetro, com a data validade da última verificação realizada pelo IPEM-SP e se a indicação de litros correspondia ao volume abastecido, além de verificar os pontos de lacração e o estado de conservação dos instrumentos, para garantir a segurança dos consumidores.

 

As padarias também foram alvo da fiscalização do Instituto, que resultou na autuação de 86% (6) dos sete estabelecimentos vistoriados. Dos 31 produtos fiscalizados – todos de fabricação própria, pesados e embalados pelo estabelecimento, como pães, bolos, biscoitos, entre outros – sete (23%) foram autuados tanto por pesarem menos que o indicado na embalagem quanto por não terem indicação de peso, que é obrigatória. A operação teve como objetivo identificar se o peso de produtos pré-medidos (pesados sem a presença do consumidor) apresentavam, de fato, o peso informado nas embalagens.

 

As empresas autuadas pelo IPEM-SP têm dez dias para apresentar defesa ao órgão. Na categoria de produtos pré-medidos, as multas podem variar de R$ 640 a R$ 30 mil, dobrando na reincidência. No caso dos postos de combustível, as multas podem variar de R$2.300 a R$ 70 mil.

 

Confira aqui a lista de estabelecimentos autuados

 

De olho nas dicas

Os produtos pré-medidos devem conter indicação quantitativa (peso/volume) na embalagem, realizada pelo ponto de venda ou pelo fabricante. “Para evitar que seja lesado, o consumidor deve estar sempre de olho nas informações descritas na embalagem. Na dúvida sobre a fidelidade dos dados, o mais adequado é utilizar a balança do próprio ponto de venda para realizar a conferência. O valor deve sempre ser superior ao conteúdo nominal descrito na embalagem, uma vez que o peso do invólucro deve ser desconsiderado”, orienta o delegado regional do IPEM-SP em Ribeirão Preto, Luiz Eduardo Galdeano.

 

Ao abastecer o automóvel é indicado que o consumidor desça do carro e acompanhe o abastecimento, a fim de verificar se o preço indicado na bomba é o mesmo anunciado nas placas do posto e se o indicador está zerado. “É importante verificar, no manual do carro, qual a capacidade do tanque e se o valor é compatível com o volume adquirido no posto. Por fim, deve-se sempre solicitar o cupom fiscal da compra, no qual constam a quantidade de litros e o valor pago pelo produto”, indica Galdeano.

 

Orientação para o consumo

O IPEM-SP disponibiliza para download o Guia Prático de Consumo, que traz dicas ao consumidor sobre o que observar na hora da compra de produtos embalados, têxteis, eletrodomésticos, itens que devem trazer o selo do Inmetro e também a utilização de balanças disponíveis em supermercados, padarias, açougues e outros tipos de comércio. Acesse: http://goo.gl/mggPwZ ou www.ipem.sp.gov.br.

 

IPEM-SP

O IPEM-SP é uma autarquia vinculada à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania do Governo do Estado de São Paulo e órgão delegado do Inmetro. Com uma equipe de fiscalização formada por mais de 400 especialistas e técnicos, realiza, em todo o Estado de São Paulo, operações de fiscalizações rotineiras em balanças, bombas de combustíveis, medidores de pressão arterial, taxímetros, radares, capacetes de motociclistas, preservativos, cadeiras de carros para crianças, peças de roupa, cama, mesa e banho, botijões de gás, entre outros materiais. É seu papel também garantir que o consumidor leve para casa a quantidade exata de produto pela qual pagou. Quem desconfiar ou encontrar irregularidades pode recorrer ao serviço da Ouvidoria, pelo telefone 0800-013-0522, de segunda a sexta, das 8h às 17h, ou enviar e-mail para: ouvidoria@ipem.sp.gov.br.

 


CORONAVÍRUS
(COVID-19)

INFORMAÇÕES AOS SERVIDORES. Acesse aqui.


 

Secretaria da Justiça e Cidadania

Site desenvolvido pela Assessoria de Comunicação e pelo Departamento de Tecnologia da Informação do Ipem-SP
© 2013 - Todos os direitos reservados..