Governo do Estado de São PauloIPEM-SP

Você está em : Home Notícias de 2014 Operação "Alô Doutor" do IPEM-SP reprova 33% dos produtos hospitalares

Operação "Alô Doutor" do IPEM-SP reprova 33% dos produtos hospitalares

Imprimir E-mail
Sex, 17 de Outubro de 2014 14:23

alodoutor interna

 

Os produtos irregulares não estavam de acordo com as informações descritas nas embalagens

 

O IPEM-SP (Instituto de Pesos de Medidas do Estado de São Paulo), órgão delegado do Inmetro que tem a finalidade proteger o consumidor, promoveu nos dias 13 e 14 de outubro a Operação "Alô Doutor", para avaliar se o conteúdo de produtos hospitalares é o mesmo indicado na embalagem.

 

Foram fiscalizados itens como lençóis descartáveis, algodão, gaze, curativos, imobilizadores, luvas e fitas cirúrgicas. As avaliações foram feitas nos laboratórios do IPEM-SP nas cidades de Bauru, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto e na capital paulista.

 

Durante a ação, as equipes de fiscalização reprovaram 33% (16) dos 49 produtos hospitalares examinados. Um dos maiores erros encontrado estava em uma marca de lençol hospitalar avaliado na capital, no qual todas as cinco amostras apresentaram problemas, com média de 9,04m a menos nos 50m indicados na embalagem, ou seja, cerca de 18% menos de produto. Outra irregularidade foi constatada em Bauru, uma toalha de papel indicava 1000 unidades na embalagem, mas faltavam 152 unidades em uma das embalagens.

 

Representantes das empresas fiscalizadas foram previamente convidados a presenciar a análise. As empresas autuadas têm dez dias para apresentar defesa ao órgão. No caso de produtos pré-medidos (embalados sem a presença do consumidor), as multas podem variar de R$ 640 a R$ 30 mil, dobrando em casos de reincidência.

 

No ano passado, a mesma fiscalização especial identificou irregularidades em quase 20% dos 101 produtos verificados. Estes itens tinham quantidade diferente do que o anunciado na embalagem.

 

IPEM-SP

 

O IPEM-SP é uma autarquia vinculada à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania de São Paulo e órgão delegado do Inmetro. Com uma equipe de fiscalização formada por especialistas e técnicos, realiza, em todo o Estado de São Paulo, operações de fiscalizações rotineiras em balanças, bombas de combustíveis, medidores de pressão arterial, taxímetros, radares, capacetes de motociclistas, preservativos, cadeiras de carros para crianças, peças de roupa, cama, mesa e banho, botijões de gás, entre outros materiais. É seu papel também garantir que o consumidor leve para casa a quantidade exata de produto pela qual pagou. Quem desconfiar ou encontrar irregularidades pode recorrer ao serviço da Ouvidoria, pelo telefone 0800-013-0522, de segunda a sexta, das 8h às 17h, ou enviar e-mail para: ouvidoria@ipem.sp.gov.br.

 


CORONAVÍRUS
(COVID-19)

INFORMAÇÕES AOS SERVIDORES. Acesse aqui.


 

Secretaria da Justiça e Cidadania

Site desenvolvido pela Assessoria de Comunicação e pelo Departamento de Tecnologia da Informação do Ipem-SP
© 2013 - Todos os direitos reservados..